Guamote e os Puruhá

Piui! Piui! Na madrugada, é dada a largada para uma aventura quente em emoção e gelada de doer os ossos, nas mais altas montanhas da cordilheira equadoriana. Estamos no ferrocarril, um trem que corta toda a província de Chimborazo, região central do Equador. A velha locomotiva percorre em zigzag abismos de mais de trezentos metros, conhecido como o "nariz del diablo", passando pelo nevado vulcão Chimborazo até chegar ao pequeno povoado de Guamote. O trem pára por vinte e cinco minutos para o café da manhã. Nesse momento, o povoado recebe a visita dos antigos indíginas da dinastia Puruhá. Eles moram nas partes mais altas e descem para negociar os seus produtos, uma vez por semana. Devido a sua cultura, os Puruhá são avessos à fotografia, mas, chegando sorrateiro, consegue-se a liberação do registro. 
   









Um comentário:

oscar silbiger disse...

Olá, Hugo,
Tudo bem?
Tenho uma proposta para somar nossas experiências e talentos.
Podemos desenvolver juntos álbuns foto-biográficos para seus clientes reunindo imagens e textos.
Assim os detalhes das suas trajetórias serão preservados da melhor forma, evitando serem apagados pela ação do tempo.
Você fará as fotos e os textos ficarão por minha conta (biográficos, poéticos, romanceados etc.).
Sou poeta e escritor com 37 anos de experiência retratando trajetórias pessoais, familiares e corporativas.
O meu custo será bem razoável, para gerarmos muitos projetos juntos.
Será também uma forma para retomar o contato com clientes e prospects, atuais e antigos, oferecendo essa proposta e abrindo possibilidades para novos negócios.
Sugiro que faça uma pesquisa com seus clientes para ver como a ideia é atrativa.
Posso oferecer exclusividade na sua região e enviar exemplos de materiais produzidos.
Para conhecer meu histórico profissional, acesse https://www.recantodasletras.com.br/autores/oscarsilbiger
Vamos trocar ideias a respeito?
Obrigado e até breve!
Oscar Silbiger / Vida Escrita
Av. Rotary, 125
Campinas / SP
19 99217-7849 Zap